Textifique

9 sugestões que servem para a escrita de (quase) todos os tipos de textos

Por Sinvaldo Júnior

Depois do sucesso inesperado do post “11 dicas para quem escreve e revisa trabalhos acadêmicos” (foram mais de 300 compartilhamentos!), resolvi escrever esse post, que de alguma forma dialoga com o primeiro. As “11 dicas” servem, especialmente, para trabalhos acadêmicos; essas, por sua vez, servem para (quase) todos os tipos de textos, independente da função aspirada com ele(s). E caso você tenha mais dicas, deixe um comentário, envie por e-mail!

1) Evitar: “Os resultados foram satisfatórios e variaram de 30% a 45%” Não! Mudar para: “Os resultados foram satisfatórios e variaram de 30 a 45%”…

2) Evitar: “A velocidade aumentou de 60 km/h para 75 km/h”? Mudar para: “A velocidade aumentou de 60 para 75 km/h”…

3) “A terapia hormonal (TH) foi analisada em 61 mulheres e a análise foi feita com base em estudos anteriores. A TH passou a ser indicada a partir de 1960”. Na segunda menção, usar a sigla ;)

4) Caso haja sinais matemáticos, como ≤, ≥, ±, sugere-se usar o caractere correto do Word em “Inserir > Símbolo”. Não tente inventar símbolos a partir do teclado. Micagem pura!

5) No caso de numeral ordinal, inserir o símbolo correto do teclado º. Aperte a tecla Alt + 167 que (bingo!) aparece o sinal º.

6) Sugere-se, em vez de 50 °C, a forma 50°C (sem espaço entre o número e a unidade de temperatura).

7) Sempre que houver siglas em títulos de seções, títulos de tabelas, de figuras etc., trocar a sigla pelo termo por extenso. Ex.: Tabela 1. Resultados da aplicação da terapia hormonal (em vez de Resultados da aplicação da TH).

8) O travessão (—) é usado para substituir a vírgula ou os parênteses em orações intercaladas ou no destaque de alguma parte da frase. O hífen (-) é usado em substantivos compostos; em palavras formadas por derivação prefixal; em locuções. O traço médio (–) é usado para unir elementos enumerados em série, como letras ou números, separando as extremidades de um intervalo e indicando ausência.

9) O n, significando número total de uma amostra, deve vir em caixa baixa. Ex.: N=50 – errado! Mudar para n=50.

Essas dicas sanaram algumas de suas dúvidas? Então acompanhe, em breve, muito mais dicas para você! E, se gostou, compartilhe ;)

Share on Google+Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on Pinterest
28/06/2015
Desenvolvido por Mídia360 © textifique. Todos os direitos reservados.