Textifique

CorraAtrásDessesLivros IV

Por Rogers Silva

Memorial do convento, de José Saramago – Deslumbramento: essa é a palavra para definir esse romance de Saramago. Apesar da sua narrativa ora difícil, truncada, ora fluída ao extremo, e cheia de indicações e personagens históricas, a leitura segue gostosa, e o leitor querendo passar as páginas desesperadamente, com ânsia, até o final surpreendente, emocionante. Não deixe de conhecer Baltasar e Blimunda, ou melhor, Sete-Sóis e Sete-Luas. Eles conviverão com você até o final da vida, da sua.

Fogo morto, de José Lins do Rego – Basta dizer que se trata de um dos melhores romances brasileiros do século XX, em que possui um dos personagens mais marcantes da literatura brasileira, o seleiro José Amaro? Só isso bastaria. Mas, além disso, há outras tramas e outros personagens marcantes, que não sairão mais da sua cabeça. Resumir esse romance magistral em regionalista é de uma burrice constrangedora.

Share on Google+Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on Pinterest
04/06/2015
Desenvolvido por Mídia360 © textifique. Todos os direitos reservados.